domingo, 4 de dezembro de 2016

Escola Auton Aragão é referência na educação ipuense


Fonte: ipunoticias.com.br
A centenária escola de Ensino Médio, Auton Aragão, localizada no centro de Ipu-Ce, recebeu o prêmio do Programa Aprender pra Valer. Aprender Pra Valer é um programa do governo do Estado do Ceará e tem por finalidade a elevação do desempenho acadêmico dos alunos do Ensino Médio, com vistas à aquisição dos níveis de proficiência adequados a cada série/ano, bem como a articulação deste nível de ensino com a educação profissional e tecnológica.
A escola Auton Aragão se destacou na consolidação de competências avançadas de leitura e de raciocínio lógico-matemático, nos resultados do Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica do Ceará (SPAECE), dentre outros critérios de avaliação do programa.
O resultado coloca a escola Auton Aragão como o 3º melhor estabelecimento de ensino secundário, em aprendizagem, entre as 575 escolas estaduais do Ceará.
Além das homenagens, os servidores da escola receberão ainda, como prêmio, o 14º salário.
Para o professor Antonio Vitorino, docente da escola, o resultado não é de todo uma surpresa. Por três anos consecutivos a escola já vem se destacando em 1º lugar, entre as escolas estaduais regulares de Ipu, no resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Enfatizou que na última edição do exame (2015), entre as 32 escolas estaduais da região da Ibiapaba, ficou na nona colocação.
Perguntado sobre qual é o segredo do sucesso da escola, o professor Vitorino, como é mais conhecido, enfatizou que dos muitos fatores que poderiam ser apresentados para justificar o feito inédito da escola, estão dois. Disse que, de um lado, tem-se a gestão da escola, comprometida com a aprendizagem do aluno, e, de outro, um corpo docente não apenas qualificado, o que é essencial, mas que, em sua maioria, já está lecionando ali há um bom tempo, algo que permite uma continuidade de um trabalho que começa lá no 1º ano do Ensino Médio.
 A escola tem também apresentado resultados positivos no desempenho dos alunos nos exames de vestibulares, com destaque para aquele realizado pela Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA-Sobral). Segundo matéria publicada no site de notícias Ipunotícias, Auton Aragão é a “maior Escola em inscrição e aprovação no Vestibular da UVA”.
Os resultados dos alunos da escola Auton Aragão a consolidam como estabelecimento de referência na educação secundária na cidade de Ipu e no estado do Ceará.




sábado, 3 de dezembro de 2016

O Trem e a cidade: livro conta a história do Ipu nas décadas iniciais do século XX


O trem e a cidade, livro do professor e historiador, Antonio Vitorino, discute e analisa como a ferrovia foi importante para produzir transformações de ordem social, econômica e cultural na cidade de Ipu e, também, como as mudanças propiciadas pelo trem foram experimentadas por estratos sociais que viviam ali nas primeiras décadas do século XX.
Para o autor, a cidade de Ipu, entre fins do século XIX e as três primeiras décadas do século XX, teria passado por mudanças significativas, sobretudo no que se refere à economia, à sociedade e à cultura, ligadas estreitamente ao advento da ferrovia. Teria sido o início de uma fase de expansão comercial e também urbana, possíveis, mesmo, com a locomotiva. Esta fez surgir novos bairros, novas ruas e traçados. Deslocou o eixo central do “velho povoamento” para um novo em torno da estação ferroviária. A ferrovia veio incrementar o comércio e a produção agropecuária locais e, também, da região a sua volta. Contribuiu para transformar a cidade em um polo de atração de toda a produção econômica das regiões circunvizinhas a Ipu. Com a chegada do trem a sociedade se transforma ou pelo menos parte de sua elite. Novos hábitos e códigos sociais são buscados.
O autor revela aspectos interessantes da história e da sociedade ipuenses das três primeiras décadas do segundo XX.
O livro é resultado de uma pesquisa realizada entre os anos de 2005 e 2007 no curso de pós-graduação realizado pelo autor.
Escrito em linguagem acessível e leve, a obra é indicada para estudantes de todos os níveis, para os pesquisadores e amantes da história do Ipu.
Leia abaixo, resenha escrita por Raimundo Alves de Araújo, professor, historiador e doutorando em História pela Universidade Federal Fluminense:

"O trabalho do professor e Doutor em História Antonio Vitorino Farias Filho, tal como um “Prometeu acorrentado”, vem pioneiramente lançar luz sobre a face obscura da história da modernização nos interiores do Estado do Ceará na virada do século XIX para o século XX. Tomando a cidade de Ipu (localizada no Noroeste do Estado) como palco privilegiado para suas investigações e fazendo uso das modernas teorias da História Social ligadas à tradição da escola francesa, Farias Filho nos vem oferecer uma profunda e enriquecedora análise acerca da inserção e da maturação, nos interiores do Ceará (na pequena cidade de Ipu do entresséculos), do avassalador processo de modernização ocidental. Processo este que teve, segundo o autor, na Estrada de Ferro de Sobral a sua principal afirmação. Distanciando-se dos arquétipos do “sertão eternamente flagelado”, “bandoleiro”, “retirante” ou “fanático” (que segundo Durval Muniz em seu clássico A Invenção do Nordeste teriam sido inventados pela literatura ficcional dos anos 1930), o trabalho pioneiro do autor vem oferecer ao leitor – acadêmico ou não – um novo olhar sobre os sertões do Ipu e de sua região. Um trabalho que nada deixa a dever aos melhores produzidos em Fortaleza ou mesmo no eixo Rio-São Paulo. Esta publicação é desbravadora, mostrando-se fundamental para o público acadêmico de universidades como a UVA, o INTA, a URCA e demais instituições de ensino superior, radicadas nos interiores do Estado do Ceará, do presente momento. Mas esta publicação também se destina ao público leitor menos especializado, que visa apenas compreender pela pena de um historiador local o processo de modernização dos interiores do Ceará do período aludido.
Tenha uma boa leitura".
Raimundo Alves de Araújo.

Título: O trem e a cidade
Autor: Antonio Vitorino Farias Filho 
Editora: SertãoCult
102 Páginas
Preço: R$: 15,00
Contato e encomendas: 9.9901-7773


← ANTERIOR PROXIMA → INICIO